Leiam, reflitam, sonhem, viajem e comentem... Os comentários são importantes para sabermos suas opiniões.

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

SONHOS VAGANTES



Sei que você viaja por um mundo distante
E por lá encontra o ancoradouro perfeito
Algo como: O sossego e a paz anestesiante
Que sorrateiramente lhe transforma o jeito

Sei que se perde nessa viagem contagiante
Na total escuridão da incerteza do direito
Sem nenhuma luz que a guie ou a oriente
No retorno para o aconchego do seu leito

A única luz que ilumina seus olhos brilhantes
É aquela que te leva ao caminho mais estreito
Afunilando seus anseios de mulher inebriante
Provocando gritos que ecoam no âmago do peito

Mas mesmo assim volta, ainda que delirante
Trazendo a pele quente do mundo imperfeito
Bem como a cegueira da escuridão obstante
Porém feliz de ter-se dado ao amor perfeito

Sei que viaja e sei o quanto é importante
Pois pra felicidade, basta que assim seja feito
Entendo que seus sonhos se perdem vagantes
A procura do sonho que seu coração tinha direito

                                                     Alexandre Taissum


.