Leiam, reflitam, sonhem, viajem e comentem... Os comentários são importantes para sabermos suas opiniões.

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

PONTO DE CRUZ

















Etamine branco no colo
Agulha e linha nas mãos
E as cruzes são bordadas
Formando flores e coração

Mãos de ouro, alma de artista
No ponto de cruz, minha avó descansa
Nos fios em que se perde,
Ao mesmo tempo se alcança

Oitenta anos, pouco tempo...
Deixados em coloridas lembranças
Eternizou seu grande talento
Marcando com linhas minha infância.

                                               Cristina Ferber


.