Leiam, reflitam, sonhem, viajem e comentem... Os comentários são importantes para sabermos suas opiniões.

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

DIAS DE LUTA - PARTE II

Uma vez eu entrei num estado letárgico,
voluntariamente abandonei
o mundinho em que vivia,
mergulhei às profundezas de mim
- e lá permaneci,
imóvel,
para que ninguém me achasse.

Eu via tudo ao meu redor,
mas eu não queria sair de dentro de mim,
eu não queria ir, tampouco ficar.
Eu ouvia tudo ao meu redor,
havia vozes do lado de lá,
dizendo que eu fosse
e eu ouvia a voz da minha mãe
implorando que eu voltasse.

Mas eles não entendiam,
eu não queria morrer,
 nem viver,
eu queria ficar só,
eu queria ficar ali,
- eu comigo,
 para sempre.

Mas ninguém me deixava em paz
e eram tantas vozes
e tantos rostos
e eu via e ouvia tudo,
(do lado de lá e do lado de cá)

                                    Sheila Camargo