Leiam, reflitam, sonhem, viajem e comentem... Os comentários são importantes para sabermos suas opiniões.

domingo, 11 de dezembro de 2011

SONHOS DE UM CONSORTE

Haverá um dia que você sairá de casa pela manhã
E encontrará no céu, sol mais brilhante que já viu,
Ar mais puro do que aquele que costuma aspirar,
Brisa matutina mais fresca de que possa sentir
E os pássaros mais cantantes que consiga ouvir...

Haverá um dia que seu sorriso estará mais contagiante,
Gestos mais carinhosos do que aquele que oferece,
Caminhar mais compassado de que consiga galgar,
Emanando perfume da pele em todo tempo que seguir
E o olhar mais reluzente pela luz que te surgir...

Haverá um dia que se realizará um dos vários sonhos
Que marcam muitas das suas longas noites em claro,
O suspiro represado no peito soprará sem amargar,
A sua boca doce e ressecada encontrará sem reagir
Ao beijo úmido de outra, que ela há de suprir...

Haverá um dia que a sua ansiedade será substituída,
A saudade angustiante que sente se transformará,
O medo que invade seu coração deverá se afastar,
A tristeza fincada no peito não mais irá ferir
E acomodará no colo um consorte, para residir...

Me acomodará...
                                                               Alexandre Taissum